Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Reserva Biológica Estadual Mata Paludosa

AL040510 106
AL040510 106

Reserva Biológica Estadual Mata Paludosa é a única Unidade de Conservação do Estado que protege áreas de transição entre os ambientes de encosta e baixada, abrigando remanescentes de Mata Paludosa (floresta formada sobre solos bastante úmidos, entremeada à vegetação de banhados). Nessa formação, há uma grande quantidade de epífitas, principalmente bromélias e orquídeas, bem como expressivas populações de palmeiras, destacando-se o palmito-juçara (Euterpe edulis), a gamiova (Genoma gamiova) e a guaricana (Genoma Schottiana), todas ameaçadas de extinção . Além disso, a REBIO Mata Paludosa exerce papel fundamental na conservação de espécies da fauna, principalmente anfíbios e aves, que só existem nesse tipo de ambiente.

A Reserva Biológica Estadual Mata Paludosa (RBMP) é caracterizada como Unidade de Proteção Integral. Para esta categoria de unidade de conservação, a Lei nº 9.985/2000, que regulamenta o artigo 225, §1º da Constituição Federal, garante a manutenção dos ecossistemas livres de alterações causadas por interferência humana, admitindo apenas o uso indireto dos seus atributos naturais, não possuindo, por isso, visitação aberta. Contudo, podem ser agendadas visitas com a finalidade de educação ambiental, bem como para projetos de pesquisa científica, guiadas e acompanhadas pela equipe da Reserva. 

Responsável: Fernanda Schmitt.

Endereço da Sede: Rua Nestor Becker, nº 2658, Itati-RS.

Telefone: (51) 3628-5325

E-mail da UC: mata-paludosa@sema.rs.gov.br

E-mail da responsável: fernanda-schmitt@sema.rs.gov.br

O Plano de Manejo está sendo elaborado de maneira participativa , pelos técnicos da SEMA em conjunto com especialistas das áreas afins da FZB junto ao Conselho Consultivo.

271,87 hectares (originalmente abrangia uma área de 113 hectares, a qual foi ampliada em 2002 através do Decreto Estadual nº 49,578).

Município: Itati 
Bioma: Mata Atlântica 

Mapa em formato kml para ser visualizado no aplicativo Google Earth

Limite REBIO Mata Paludosa (.zip 969,00 Bytes)

Atualmente, 46,51% da área da Reserva é de propriedade do Estado do Rio Grande do Sul, tendo sido adquiridos com recursos de Medidas Compensatórias, desde o início do processo de Regularização Fundiária em 2010.

O Conselho Consultivo da unidade de conservação é bastante ativo e formado por diversas entidades de representatividade local, como Cooperativas, Agricultores Agroecológicos, ONGs, universidades, entre outras. O Conselho tem reuniões ordinárias trimestrais.

Portaria SEMA N° 05, 18 de Janeiro de 2010 

Portaria Cria Conselho RBMP (.pdf 49,05 KBytes)

Sema - Secretaria do Meio Ambiente e Infraestrutura