Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Corredor Ecológico da Quarta Colônia

Parque estadual quarta colonia
Parque estadual Quarta Colônia - Foto: Aquiles Bastiani Naressi

O Corredor Ecológico da Quarta Colônia foi planejado com o propósito de promover a conservação da biodiversidade por meio de estratégias de gestão territorial que mantenham ou recuperem processos ecológicos, especialmente o fluxo gênico e de organismos, entre o Parque Estadual da Quarta Colônia e remanescentes significativos da Floresta Estacional, definidos como alvos prioritários de conservação, bem como gerar oportunidades de renda a partir da reorganização de processos produtivos e do uso sustentável dos recursos naturais (Art. 1º Portaria SEMA n.º 143/2014).

Para definir o desenho do corredor foram selecionados alvos de conservação representados pelas Unidades de Conservação – Parque Estadual da Quarta Colônia, Reserva Biológica do Ibicuí Mirim e Parque Natural Municipal de Sobradinho; pela Terra Indígena Salto Grande do Jacuí e pelos onze maiores remanescentes florestais presentes na área de estudo. Após o desenho do corredor, foram ainda criadas duas novas Unidades de Conservação na região, que contemplam parte de um dos alvos do trabalho, a RPPN Fundação Mo’ã, em Itaara, e o Parque Natural Municipal dos Morros, em Santa Maria.

A Região da Quarta Colônia Italiana do RS compreende nove municípios: Agudo, Dona Francisca, Faxinal do Soturno, Ivorá, Nova Palma, Pinhal Grande, Restinga Seca, São João do Polêsine e Silveira Martins; e além destes o corredor contemplou também os municípios lindeiros de Santa Maria e Itaara.

O Corredor Ecológico da Quarta Colônia é um produto do Projeto RS Biodiversidade, a partir da contratação do Instituto Curicaca, em atendimento à demanda do Conselho de Desenvolvimento Sustentável da Quarta Colônia – CONDESUS e da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica – RBMA. Foi reconhecido pelo Estado, através da Portaria SEMA nº143/2014.

Agudo, Dona Francisca, Faxinal do Soturno, Ivorá, Nova Palma, Pinhal Grande, Restinga Seca, São João do Polêsine e Silveira Martins

124.947 ha (Zona Núcleo)

Mata Atlântica e Pampa

Floresta Estacional

Gestão do território para recuperar processos ecológicos entre o Parque Estadual da Quarta Colônia e remanescentes e gerar desenvolvimento sustentável

(55) 3225-3131 (55)981322861

Responsável: Caroline Malmann

Email: parque-colonia@sema.rs.gov.br

caroline-malmann@sema.rs.gov.br

Sema - Secretaria do Meio Ambiente e Infraestrutura