Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Parque Natural Municipal de Sagrisa

O Parque Municipal da Sagrisa, é uma Unidade de Conservação com 402,2 hectares criada pela Lei Municipal n° 232 de novembro de 1999, no Município de Pontão.

Essa área foi inicialmente doada pelo Instituto de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), em 1972 para o município de Ronda Alta.

No ano de 1992, com a emancipação do município de Pontão, a referida área passou a estar sob jurisdição deste, recebida, definitivamente, por doação do INCRA. 

A comunidade em torno do Parque é oriunda do assentamento de agricultores ocorrido em 1972, com assentamento de 51 famílias, as quais, por ocasião da construção da barragem da Central Hidrelétrica de Passo Real, localizada na região de Ibirubá/RS, tiveram suas terras inundadas.

O Parque está inserido na região fitoecológica da Floresta Ombrófila Mista, representando uma das poucas áreas com cobertura florestal remanescente representativa desse ecossistema. Mesmo com a exploração seletiva de alguns espécies arbóreas de maior interesse madeireiro em décadas passadas, determinando ambientes empobrecidos do ponto de vista a biodiversidade, ainda abriga espécie de fauna e da flora representativos do bioma floresta de araucárias(Martinez e Prestes,2001).

Município: Pontão 
Bioma: Mata Atlântica 

402,2 ha

Responsável: Prefeitura Municipal de Pontão

 Fone:(54) 3616-3232.

E-mail: meioambiente@pontao.rs.gov.br

Mapa em formato kml para ser visualizado no aplicativo Google Earth

Limite PNM Sagrisa (.zip 7,29 KBytes)

Sema - Secretaria do Meio Ambiente e Infraestrutura