Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Presos homens que pescavam no Parque Estadual do Camaquã

Publicação:

20170908 133738
20170908 133738

Os guarda parque do Parque Estadual do Camaquã realizaram nos últimos dias 7, 8 e 9, operação de combate a crimes ambientais. Com apoio de policiais do 3° Pelotão Ambiental de Camaquã foi efetuada a prisão em flagrante de quatro homens que estavam num acampamento clandestino onde realizavam caça e pesca.

Em uma embarcação da Unidade de Conservação, os guardas parques Júlio Vieira e Rogério Mello, do Parque Camaquã, com apoio de Jéferson Antuarte, da Reserva Biológica do Mato Grande, realizaram patrulhamento na área do parque onde encontraram 5 mil metros de redes de pesca, 5 espinhéis e uma motosserra, além de outros materiais de pesca proibidos.
Com um dos indivíduos foi encontrada uma carabina de pressão para calibre 22, e 19 munições de mesmo calibre.

Os homens foram autuados administrativamente e presos em flagrante, pelos crimes: porte ilegal de arma de fogo, dano em Unidade de Conservação, pesca mediante equipamentos proibidos, porte de motosserra sem licença de porte e uso, entrar em Unidade de Conservação portando instrumentos próprios para caça e exploração vegetal.

Na operação, foi constatada também a construção irregular de um imóvel e desmatamento em Área de Preservação Permanente (APP) junto às margens do Rio Camaquã. Foram realizadas barreiras para a abordagem e revista de veículos. Os motoristas foram orientados sobre as restrições à prática de atividades nas Unidades de Conservação de proteção integral.

Sema - Secretaria do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável